Nesta semana acontece o ABF Franchising Week da Associação Brasileira de Franchising (ABF) em São Paulo (SP). O evento, que começou na última quarta-feira (26/6), vai até sábado (29/6) e reúne mais de 400 marcas.

O objetivo é permitir que empresas e franquias possam apresentar novidades e modelos de negócios.

Durante o evento, são apresentados diversos projetos inovadores. Separamos seis deles abaixo para quem deseja conhecer novos formatos.

Mas antes de conhecer os negócios, atenção. Informe-se sobre as redes, conheça as precauções que você deve ter antes de assinar um contrato e converse com outros franqueados da rede para não cair em uma roubada.

A Sense Spa Express tem 5 unidades no Rio de Janeiro (Foto: Divulgação)

1) Sense Spa Express

“Nosso diferencial é a aplicação de técnicas de massagemtradicionais associadas com a tecnologia”, afirma Pablo Vidon, fundador da Sense Spa Express. A empresa, que nasceu em 2011 no Rio de Janeiro (RJ), oferece em quiosques, lounges (quiosques maiores) e lojas com serviços de massagem variados.

A empresa tem cinco unidades no Rio de Janeiro: dois quiosques, dois lounges e uma loja. A meta para 2019 é abrir 10 unidades em todo o Brasil, principalmente em shoppings, aeroportos, terminais e galerias.

Os quiosques têm o investimento inicial variando R$ 30 mil e R$ 60 mil. Segundo a empresa, nesse modelo o franqueado tem retorno do investimento em 12 meses. Para os lounges, o investimento inicial fica entre R$ 70 mil a R$ 100 mil, com retorno do investimento em 15 meses. Já nas lojas, o investimento vai de R$ 110 mil a R$ 150 mil, com retorno do investimento em 18 meses.

A SuperGeeks tem franquias de R$ 11 mil até R$ 170 mil (Foto: Divulgação)

2) SuperGeeks

Em uma viagem ao Vale do Silício, Marco Giroto e Vanessa Ban perceberam que o ensino de computação às crianças estava atrasado no Brasil. Por isso, ao voltarem para o país, abriram a SuperGeeks, uma escola de ciência da computação e robótica para crianças e adolescentes.

Aberta em 2013, a marca já tem 60 unidades em todo o Brasil e também em Portugal.

Os modelos de franquia da empresa são divididos em três diferentes marcas: SuperGeeks, MasterGeeks e CS Plus. As duas primeiras podem ser no formato “small” (pequeno, em tradução do inglês) ou padrão, de acordo com o tamanho da cidade onde ficarão localizadas.

A franquia SuperGeeks é voltada para a classe A e tem o investimento inicial médio de R$ 150 mil no modelo “small” e R$ 170 mil no modelo padrão. O retorno de investimento dessas franquias acontece num prazo de 18 a 24 meses.

Já a franquia MasterGeeks é feita para as classes B e C. No modelo “small” o investimento fica entre R$ 25 mil e R$ 100 mil e no modelo padrão, entre R$ 100 mil a R$ 150 mil. O retorno de investimento acontece entre 18 e 24 meses.

Por último, a CS Plus atende o público da classe D e pode ser aberto com ou sem um laboratório com 20 computadores.

O modelo com computadores tem investimento de R$ 27,8 mil e o sem, investimento de R$ 11 mil. Esse último foi feito para que a franquia atue dentro de escolas com laboratório de informática.

A Arranjos Express surgiu em Lisboa, Portugal (Foto: Reprodução/Instagram)

3) Arranjos Express

Fundada em Lisboa em 2003, a Arranjos Express busca transformar profissionais de costura em especialistas em moda. A empresa tem como diferencial a transformação de peças, com foco na sustentabilidade, além de reparos em até uma hora.

Apesar de ter nascido em Portugal, a marca tem sua maior presença no Brasil. São mais de 80 unidades no país, além de quatro na Bolívia, uma no Paraguai, uma no Peru e uma no Canadá. Hoje apenas quatro unidades ficam no país natal de Paulo Alexandre, fundador da marca.

Até o final do ano, a empresa espera ter 180 unidades espalhadas por toda a América.

As lojas devem ter entre 30 e 40 metros quadrados e o investimento inicial é de R$ 125 mil, com estoque, maquinário e mobiliário. O tempo de retorno do investimento é em média de 18 a 24 meses.

Sorvete da Mini Orbe (Foto: Divulgação)

4) Mini Orbe

Uma das ideias mais inovadoras da feira é a da Mini Orbe. Como o slogan diz, a empresa oferece “o gelato do futuro”, um sorvete servido em formato de bolinhas, congelado em nitrogênio líquido.

Segundo Tiago Azem, diretor e fundador da marca, a proposta veio dos Estados Unidos e ainda não existe nenhuma outra empresa que faça igual no Brasil.

Aberta em 2018, a empresa tem apenas duas unidades: uma em São José do Rio Preto e outra em São Paulo. A projeção para 2019 é abrir 30 quiosques e lojas, com foco no estado de São Paulo.

Em média, ambos os modelos têm investimento em torno de R$ 110 mil e o retorno financeiro acontece entre 18 e 24 meses.

A Mr. Kids tem mais de 7 mil máquinas espalhadas pelo Brasil (Foto: Reprodução/Instagram)

5) Mr. Kids

“Somos profissionais no setor de vending machines”, afirma Rodrigo Loredo, gerente de expansão da Mr. Kids. A empresa oferece franquias de vendas de produtos infantis por meio de “vending machines”, ou máquinas automáticas.

Com parceiros como Walmart, Carrefour, Extra, Makro e outros, a marca busca franqueados que estejam interessados em gerenciar e instalar máquinas nesses estabelecimentos. “Nós já temos o local. O franqueado só precisa adquirir as vending machines”, diz Loredo.

A empresa, que nasceu em 2012, já está presente em todos os estados brasileiros e espera ter mais 49 franqueados até o final do ano.  Até o momento, a Mr. Kids já tem 213 franqueados e em torno de 7 mil máquinas em funcionamento.

O valor médio da franquia é de R$ 18,7 mil, sendo possível escolher entre diversos modelos de máquinas. O retorno do investimento acontece, em média, de 13 e 17 meses depois.

A ToyCompany já tem 30 unidades no Brasil (Foto: Divulgação)

6) ToyCompany

A empresa de Mauro Meinerz oferece um novo modelo de negócio: uma franquia de diversão infantil dentro de um contêiner.

A ideia é colocar o “espaço kids”, já presente nas outras unidades da empresa, do lado de fora dos shoppings. Já são 30 locais da ToyCompany no Brasil, principalmente no Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país.

A expectativa para 2019 é atingir 20 unidades franqueadas e em 2020 se espalhar pelo Norte e Nordeste.

O investimento inicial da franquia é R$ 279 mil e o retorno financeiro é obtido entre 14 e 19 meses.

ABF Franchising Expo (Foto: ABF)
Fonte: PEGN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui