A vocação do brasileiro ao empreendimento nunca esteve tão em alta como agora, justamente em um dos piores momentos de crise econômica ocasionada por uma pandemia. A situação tem se tornado cada vez mais evidente, de modo que, em 2020, o Brasil deve atingir o maior patamar de empreendedores iniciais sobre os últimos 20 anos.  

Isso porque, cerca de 25% da população adulta brasileira está envolvida na abertura de um novo negócio, ou exercendo atividades empresariais próprias a cerca de 3 anos e meio. De acordo com a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), o aumento do empreendedorismo inicial aconteceu principalmente em períodos de recessão, como os que ocorreram entre os anos de 2008-2009 e entre 2014-2016. Ainda que os números possam ser inspiradores para muitas pessoas que desejam ter o próprio negócio, elas ainda podem não saber como começar. E nada melhor do que mergulhar em um assunto que pode trazer recursos próprios em um momento de lazer de forma prazerosa. Pensando nisso, trouxemos seis séries sobre empreendedorismo disponíveis em plataformas de streaming. 

Girlboss 

Lançada em 2017, a série entrou no catálogo da Netflix na categoria de comédia. Ainda assim, é uma história inspiradora sobre empreendedorismo, baseada na biografia best-seller da rebelde, Sophia Amoruso, um dos nomes mais respeitados da moda. Falida e com um notável dom para escolher e customizar peças de roupa, Sophia decide montar o próprio negócio online, e precisa aprender a ser a própria chefe. Mesmo diante de uma conturbada vida social, o resultado da empreitada é o polêmico site de roupas, Nasty Gal, que se tornou um sucesso. 

House of Cards

A série original da Netflix, se passa em um ambiente político, extremamente baseado em pensamentos estratégicos, além da força de decisão em um universo que requer minuciosidade. Baseada na perspectiva do protagonista Frank Underwood, conta a história das estratégias políticas que o levaram a concretizar uma vingança ao atingir um dos cargos mais altos da vida pública, ultrapassando todos os limites para satisfazer o desejo de um único homem.

Mad Men

A série se passa nos anos 1960, e retrata a rotina de uma renomada agência de publicidade, e discorre sobre a vida pessoa do diretor de criação, Don Draper, que acompanha as mudanças no mercado e na vida dos americanos neste período. Além de ensinar muitas lições no setor de marketing para os empreendedores, a série também aborda temas como ambição, frustração e disputa por poder, além de debater sobre inovações e criação de novas oportunidades de negócio.

Gigantes da Indústria 

A série mostra como grandes empreendedores construíram algumas das maiores indústrias do mundo, como John D. Rockefeller, Andrew Carnegie, J.P. Morgan e Henry Ford. O seriado apresenta empresários audaciosos e inovadores que correram riscos imensuráveis para aproveitar as oportunidade com visão, inovação e engenhosidade. 

Silicon Valley

A série conta a história de seis programadores que tentaram construir uma carreira de sucesso no maior polo do empreendedorismo e de startups do mundo, o Vale do Silício, na Califórnia. A narrativa começa por Richard, um programador que desenvolve um algoritmo inovador que auxilia na compreensão de arquivos. Conforme a história evolui, ele se encontra em um dilema entre vender a criação para Gavin Belson ou construir uma companhia startup na companhia do bilionário investidor Peter Gregory.

Suits

A série se passa em um escritório de advocacia fictício em New York, mostrando as jogadas de negociações, como foco no personagem Mike Ross, que começa trabalhando como associado legal para Harvey Specter, sem nunca ter frequentado uma faculdade de direito. Em diversos momentos, é abordado a importância de quebrar as regras e desrespeitar a lei, ao enfrentar obstáculos em cenários de crises onde as possibilidades são infinitas. 

Fonte: Jornal Contábil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui