O Grupo Habib’s está apostando em um novo modelo de negócio. Agora, os clientes da rede árabe e da italiana Ragazzo poderão comprar produtos congelados para terminar o preparo em casa ou onde estiverem. As caixas com os principais petiscos estão disponíveis nas lojas físicas, no site e no iFood.

Do Habib’s, além das esfihas, que são o carro-chefe da casa, são vendidos kibes, pastéis de belém e minichurros. Do Ragazzo, estão disponíveis as famosas coxinhas, sticks de queijo, bolinho de bacalhau e alguns doces, como tortas.

Os valores dos kits são bem variados. 18 coxinhas, por exemplo, custam R$ 30, enquanto a caixa com 20 esfihas sai por R$ 35. Entre os doces, 9 unidades de pastéis de Belém estão por R$ 20 e uma torta inteira é vendida por R$ 45.

De acordo com a empresa, a novidade aparece para atender aos novos hábitos de consumo da população brasileira que tem mudado nos últimos meses, em razão da pandemia do novo coronavírus.

Do Grupo Habib’s, Ragazzo passa a vender cozinha congelada, entre outros produto
Do Grupo Habib’s, Ragazzo passa a vender cozinha congelada, entre outros produtos
Foto: Grupo Habib’s / Divulgação

O Habib’s acredita que a nova modalidade vai proporcionar maior conveniência e praticidade aos consumidores, que poderão escolher como pedir e consumir os alimentos, visto que eles podem ser armazenados no próprio refrigerador.

Para Danilo Monteiro, gerente de Comunicação do Habib’s, a novidade chega reforçando o posicionamento estratégico das empresas e expandindo as interfaces de consumo dos produtos. “Nosso foco é proporcionar momentos marcantes alinhados a uma nova experiência de consumo para os clientes”, afirma.

A expectativa é que, futuramente, novos congelados sejam incorporados ao cardápio, conforme for a resposta dos consumidores aos produtos já disponíveis.

Foto em Destaque: Habib’s / Divulgação

Fonte: CNN Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui