Um dos elementos mais importantes no comportamento de uma pessoa diz respeito a sua capacidade de liderança. Existem diversas formas de liderança e muitas características presentes, conformo o estilo que se impõe como referência.

A maneira mais eficaz de liderar pessoas é a partir dos reflexos das ações do líder sobre os seus liderados. Assim, é preciso antes de liderar aos outros, é indispensável saber liderar a si. Chamamos isso de Liderança Espelhada. Quer dizer, somos aquilo que refletimos e as pessoas são reflexos dos seus líderes. O Líder Espelho precisa agir de forma coerente, ou seja, você é, você diz, você faz, bem como ter consigo os seguintes elementos e características

Percepção – O líder deve reconhecer e avaliar os valores dos seus colegas, a fim de constatar se há ou não congruência nas ações alheias, inclusive para verificar como a pessoa trabalha.

Identificar Valores – São as crenças pessoais emocionais sobre o certo e o errado, sobre o bom e o mau. Para lidar com as pessoas é indispensável reconhecermos o que lhe é mais importante: a sua hierarquia de valores.

Os valores são os instrumentos de motivação mais poderosos que existem.

Somente se é capaz de satisfazer a real necessidade de alguém se você souber quais são elas. Questione: O que faz você entrar numa empresa? O que mais? O que faz você sair de uma empresa? Mesmo diante disso, o que o faria permanecer?

A chave do sucesso exige que você saiba o que quer, respeitando os seus valores e sua hierarquia. Depois é só AGIR com coerência, perspicácia e flexibilidade.

As pessoas movem-se em direção de algo a partir de suas referências motivadoras:

– para ter prazer ou evitar a dor;

– por estrutura conceitual externa ou interna;

– Comportamento extrovertido ou introvertido;

– Visão associada (semelhanças 65%) ou dissociada (diferenças 35%).

– Possibilidade (oportunidade, opção) x Necessidade (segurança, permanência)

– Cooperação (trabalho em grupo) x Independência (autonomia)

– Classificação primária: sensação, lógica, fatos, números, geral, conclusivo, atividade.

Elementos do líder próspero:

– Ser afirmativo;

– Disciplinado;

– Controla a frustração, pois não há sucesso sem frustração, é o seu teste de autodisciplina;

– Não sofre por pequenas coisas, afinal, são só pequenas coisas;

– Controla a rejeição, tem capacidade para encarar um Não e usá-lo como estimulante, é um teste de perseverança, flexibilidade e foco;

– Controle financeiro, sabe como ganhar, como gastar, como economizar e como dar, e faz com que o dinheiro trabalhe para si;

– Doa-se, sempre dá mais do que  espera receber, age com reciprocidade;

– Controla a acomodação;

– Estimula a integração;

– Planta e cuida, para colher os frutos;

– Cria e direciona as tendências a serem seguidas, sendo um modelo de excelência. Você é o espelho!

– Sabe que grandes mudanças decorrem de muitas pequenas alterações, pelo sistema de progressão, e possuem uma enorme capacidade de estimular a equipe;

– Tem a paciência como virtude,  sinônimo de autocontrole;

– Comprometimento, compromisso com as escolhas e credibilidade;

– Motivador e positivista, com foco na percepção;

– Antevê e projeta com antecedência quais objetivos e resultados decorrerão de suas ações;

– Sabe reconhecer e agradecer, acrescentando valor à vida das pessoas que o cercam, sabe ser duro, sem ser cruel;

– Bondoso, sem deixar que se confunda com fraqueza, dá atenção, incentiva a tratar a respeito da forma como se age;

– Autêntico, capacidade de ser verdadeiro.

– REALIZA PRIMEIRO AS NECESSIDADES, DEPOIS AS VONTADES!

– Sabe perdoar, desiste de ressentimento para dedicar energias a coisas úteis e positivas;

– Desapego do orgulho, permite doar-se;

– Honestidade, no sentido de livrar-se de engano, dedicado a verdade, a qual constrói confiança.

Dica:  Nós pensamos quatro vezes mais rápido do que falamos, o que causa muito ruído interno enquanto ouvimos. É preciso Ouvir ativamente, quer dizer, ver, ouvir e sentir nosso interlocutor, a fim de criar EMPATIA!

Lembre-se: MUITOS QUEREM ESTAR ENVOLVIDOS, MAS POUCOS QUEREM ESTAR COMPROMETIDOS! É o compromisso que sustenta!

Desafie-se! Aja! Execute! Agora! Faça a diferença! Seja excelente!

LIDERANÇA É ESSÊNCIA DE CARÁTER!

19 – AMBIENTE:

Um dos elementos que contribuem decisivamente para o nosso comportamento é exatamente o ambiente no qual nos encontramos. Seja no trabalho, em casa, no clube, num restaurante, no estádio de futebol, num parque, com os amigos, numa apresentação, cada qual nos exige e condiciona-nos a uma determinada postura. Combinado com o fator interno emocional, o fator externo ambiental pode auxiliar ou nos desequilibrar diante de uma situação, caso não saibamos fazer o uso adequado do meio.

Ter domínio sobre o ambiente, saber reconhecê-lo, facilita a tarefa de termos o controle da situação para que tenhamos a qualidade emocional necessária para transmitir nossa mensagem de forma consistente e coerente. Importante ajustar nossas características e habilidades pessoais com o ambiente, pois isso nos coloca numa posição privilegiada perante nosso interlocutor. Destacamos, então, alguns ambientes e algumas situações nas quais há sua relevante influência:

Na Televisão:

As pessoas percebidas como altas na televisão tendem a passar uma imagem de maior credibilidade. Para tanto, é possível se adaptar o cenário visando favorecer essa imagem, seja com a mudança de mobília de fundo, encosto da cadeira, altura da mesa e posicionamento de câmera.

O desempenho, a firmeza, a congruência, a autoridade na apresentação de um indivíduo na televisão nos induz ao nível de poder e a estatura dessa pessoa.

Olhar diretamente pra câmera:

Olhar para a câmera enquanto se fala denota liderança e autoridade, ampliando a receptividade de quem o assiste, por força do “contato visual” direto.

O Lado Esquerdo:

Posicionar-se sempre ao lado esquerdo da câmera, ou seja, no lado direito do palco/cenário, favorece a imagem de liderança, seja numa foto, seja em exposição na TV, pois transmite a impressão de domínio na cena.

No Meio Profissional:

A estatura da pessoa é um fator inconsciente considerável, em que pese muitos daqueles de baixa estatura consigam se impor com respeito e autoridade. No meio profissional, importante que as mulheres, que são geralmente mais baixas, façam uso de cadeiras mais altas nas reuniões. Uma técnica interessante é fazer a explanação em pé.

Organizar também o ambiente de reuniões para que os mais altos sentem em cadeiras mais baixas de forma proposital ou os mais baixos nas cadeiras mais altas, visando cooperação e equilíbrio entre as pessoas, ou o contrário, conforme seja o interesse. Se não for possível, coloque os principais interlocutores nas cabeceiras das mesas.

Dicas:

– A pessoa mais alta não consegue tirar vantagem da sua estatura se você não a olhar nos olhos enquanto ela estiver falando.

– A mulher no ambiente de trabalho deve evitar saia e cruzar as pernas diante dos homens, pois influencia no desvio de atenção para os contornos da perna ao invés de focar no que você tem a dizer. Manter os joelhos paralelos é a melhor saída.

– No meio executivo a mulher deve optar por um aperto de mão firme, bem como evitar salto muito alto e batom vermelho, o que aumenta de modo considerável sua credibilidade.

Edu Santos
Edu Santos possui MBA em Gestão de Pessoas, mestrando em Gestão e Tecnologia aplicadas à Educação, palestrante, prof. de pós graduação pela Unifacs, Unijorge e Wyden nas disciplinas de Gestão Emocional nas Organizações e Motivação e Engajamento. Além disso, Edu é poeta e autor do livro "A Verdadeira Concepção do Engajamento e Motivação" (Literarebooks, 2017). Para outras informações, envie e-mail para palestrante@edusantos.pro.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui