Mais da metade da população no Amazonas finalizou a Educação Básica obrigatória no ano de 2018. De acordo com levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Estado alcançou 52,2% mantendo uma trajetória de crescimento quando comparada aos três anos anteriores – conquistando a sexta posição nacional entre os estados com melhor desempenho na categoria. O índice superou a média nacional que foi de 47,4%, em 2018.

De acordo com o IBGE, a quantidade de pessoas de 25 anos de idade ou mais que finalizaram a educação básica obrigatória – ou seja, que concluíram no mínimo, o ensino médio – despontou nos últimos três anos. Os índices apresentados no Estado superaram a média de crescimento brasileira por três anos consecutivos.

Em 2016, o Amazonas alcançou a média de 48,6%, seguido de 51,1% em 2017. No ano de 2018 foram 52,2%. No âmbito nacional, a média alcançada foi de 45,1% em 2016 e 46,2% em 2017. Já no ano de 2018 foi 47,4%.

Estados brasileiros com melhor posição na quantidade de pessoas que concluíram a educação básica (2018)

Colocação Estado Quantidade
Distrito Federal 66,0%
Rio de Janeiro 57,3%
São Paulo 57,2%
Roraima 55,4%
Amapá 53,1%
Amazonas 52,1%

Quando observada somente a região Norte, o Amazonas ocupa a terceira posição. Os estados que mantiveram os maiores crescimentos foram Roraima com 55,4% e o Amapá com 53,1%. Já na capital, Manaus, a quantidade sobe para 64,6% em 2018. Em 2016, era 62%.

Pessoas que concluíram a educação básica obrigatória na Região Norte (2018)

Posição Estado Quantidade
Roraima 55,4%
Amapá 53,1%
Amazonas 52,1%
Tocantins 43,9%
Acre 41,2%
Pará 39,6%
Rondônia 38,1%

Superior completo

De acordo com a pesquisa, o Amazonas também apresentou crescimento na quantidade de pessoas que alcançaram o ensino superior completo. Em 2018, a média foi de 14,8%. No ano anterior (2017) foi de 13,9% e em 2016 de 13%. A médica brasileira é de 16,5% em 2018.

Médio e Fundamental

O Amazonas superou a média nacional quanto a quantidade de pessoas que completaram o nível médio em 2018. No Estado a quantidade foi de 32,8% e no restante do país 26,9%.

Em 2017, o índice no Amazonas foi de 32,5% e em 2016 de 31,5%.

Quanto a porcentagem de pessoas com o nível fundamental completo foi de 6,0% no Amazonas em 2018. A média mais baixa dos últimos três anos. Em 2017 foi de 6,7% e em 2016 de 7,7%.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui