O setor de educação segue pressionado no curto prazo pelas condições da economia, mas a Ânima (ANIM3) deve mostrar sua resiliência, na visão da Ágora Investimentos.

“O mercado brasileiro de pós-ensino médio deve continuar sofrendo pressões no curto prazo tanto para as entradas quanto para ingressos, principalmente para o segmento presencial, enquanto durarem os efeitos negativos da crise do Covid-19, pois muitos alunos parecem estar mais uma vez atrasando suas decisões de inscrição”, afirmou a corretora.

Na visão deles, a expectativa é que a captação do setor no 1º semestre do ano caia de 15 a 30% ante o mesmo período de 2020.

“Embora o ACV de 2021 tenha ficado abaixo de nossas expectativas iniciais, continuamos otimistas quanto ao setor, dada a sua perspectiva de crescimento de longo prazo”, avaliaram os analistas.

Mesmo com a perspectiva boa para a Ânima, que deve se dar bem no período, a principal escolha da Ágora é a Yduqs (YDUQ3), com preço-alvo de R$ 45 para 2021.

Na visão deles, a expectativa é que a captação no 1º semestre do ano caia de 15 a 30% ante o mesmo período de 2020 (Imagem: YouTube/Ânima Educação)

Fonte: MoneyTimes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui