O amazonense Paulo Teles, conhecido como Yonami, foi anunciado oficialmente como um dos novos ilustradores da Marvel

O desenhista e design por formação Yonami, nome artístico de Paulo Teles, de 35 anos, foi anunciado oficialmente como um dos novos ilustradores da Marvel, se tornando o primeiro amazonense a integrar um projeto da editora norte-americana.

Famosa pelas histórias em quadrinhos que também viraram sucesso nos cinemas, como Homem Aranha, Homem de Ferro, Thor,  Pantera Negra e Vingadores, a Marvel já contou com a participação do amazonense Yonami em outras produções, com ilustrações para materiais promocionais e para o jogo de tabuleiro da equipe de super-heróis X-Men.

Os detalhes do mais novo projeto com a Marvel ainda não podem ser divulgados, mas Yonami deu uma pequena dica do que esperar da produção. “Não posso dizer muita coisa, a única referência que posso dar é Stratovarius’’, revelou sobre o trabalho com a editora, em entrevista ao Portal EM TEMPO.

Paulo Teles, ou Yonami, trabalha com a Marvel há 8 anos em projetos menores

 

Paulo Teles, ou Yonami, trabalha com a Marvel há 8 anos em projetos menores | Foto: Arquivo pessoal

“Trabalhar para a Marvel é com certeza um dos pontos altos da minha carreira. Foi muito trabalho até chegar aqui, prestei serviço para a Glass House Graphics no Brasil, que estabeleceu meu contato com a Marvel, e eu passei a conhecer os editores, durante 8 anos estive trabalhando em parceria com a Marvel até esse novo projeto”,  afirmou Yonami.

“A falta de informação, normalmente, é o que desmotiva os artistas. Mas você tem que dar a cara a tapa e correr atrás, o máximo que um editor vai te falar é ‘não’. Chega um momento em que você não pode mais duvidar de si“,
Yonami, Paulo Teles.

DC Comics

Apesar do mistério, o trabalho de Yonami vai muito além do sucesso na Marvel. O amazonense atua há cerca de 15 anos como ilustrador e prestou serviço também com a DC Comics em materiais promocionais.

O amazonense publicou títulos como Blood Queen, John Carter ‐ Warlord of Mars e The Crystal Ball em editoras como Stone Arch Books, Glyph Productions, Galaxy Graphix, Dynamite e Big Dog Ink.

Créditos ao desenhista na HQ The Mummy
Créditos ao desenhista na HQ The Mummy | Foto: Divulgação

Fã de terror clássico, um dos trabalhos de maior orgulho é a contribuição em “The Mummy”, publicado pela editora Hammer Comics. “Participei da produção gráfica da revista, e foi um orgulho enorme para mim, pois gosto muito da empresa, gosto de franquia, e sou um grande fã de Drácula, de Frankenstein, Lovecraft”, compartilhou Yonami.  “Quando eu vi meu nome creditado, foi incrível. Para mim, foi um dos meus ápices”.

Fundador do Studio House 137, o projeto promove artistas amazonenses no mercado internacional de quadrinhos, e foi responsável pelo HQ “Amazônidas: Guardiões das Florestas”, que transformou figuras mitológicas indígenas em personagens centrais da obra.

“O sonho de todo artista é trabalhar com grandes editoras como a Marvel e a DC, mas o auge mesmo é quando você consegue tornar a sua produção autoral em algo tão forte e influente como o Homem Aranha ou Mulher Maravilha“,

Yonami, Paulo Teles.

Manaus e São Paulo

O desenvolvimento artístico de Yonami começou em Manaus, na Hyper Comix Studio. “Desde criança eu me interessava por isso, lia muitos HQ’s, Tio Patinhas, gibis da Marvel e da DC, era fã do Homem Aranha, e eu lia os créditos e pensava  ‘tem gente que é paga para isso, também quero trabalhar assim um dia’, então eu segui o sonho’’.

Desenho de Yonami
Desenho de Yonami | Foto: Divulgação

Residindo em Manaus, o desenhista trabalhava na área, mas não via muitas opções para desenvolver a carreira, então viajou para São Paulo. “Eu comecei a trabalhar com jogos, mas percebi que não era o que eu queria. Passei por várias áreas do design, mas os quadrinhos eram realmente minha paixão”.

Atualmente, Yonami desenvolve o projeto autoral ”The Midnight Witch”, lançada na Webtoon, a respeito de uma maga que tem o poder de viajar no tempo. Com fortes inspirações na mitologia celta e egípcia e no terror clássico, principalmente em Drácula, de Bram Stoker, a HQ é uma das apostas do desenhista.

O trabalho conta com participações especiais de Kewber Baal, que trabalha para a Dynamite Entertainment, Troy Brownfield, criador da Shotgun Reviews, Mirka Andolfo, italiana que foi criadora da série Sacro/Profano e trabalhou na equipe criativa da Disney e na DC Comics.

Arte de The Midnight Witch
Arte de The Midnight Witch | Foto: Divulgação
Fonte: Em Tempo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui